segunda-feira, 23 de maio de 2011

Líderes religiosos da Terra Santa em defesa do meio ambiente


Jerusalém, 19 mai (RV) - Judeus, cristãos e muçulmanos juntos na salvaguarda do meio ambiente. O Conselho das Instituições Religiosas da Terra Santa (CRIHL) aprovou recentemente uma declaração sobre as mudanças climáticas.

Segundo o Patriarcado Latino de Jerusalém, o texto redigido expressa um convite religioso a combater as mudanças climáticas. O objetivo da declaração, que se baseia nos resultados científicos de um grupo de especialistas das Nações Unidas, é multiplicar as ações contra as mudanças climáticas, invocando a autoridade moral dos líderes religiosos.

Em segundo lugar, o documento promove a cooperação inter-religiosa sobre esse tema que é de interesse comum. Lê-se na declaração que as mudanças climáticas são um desafio global, por isso, é urgente intervir.

"Reconhecemos as raízes espirituais dessa crise e a importância de uma resposta religiosa. Convidamos todos os nossos fiéis a considerarem o Planeta e seus recursos como um dom de Deus e a reduzirem as emissões de gases que provocam o efeito estufa" - frisa na nota o Conselho das Instituições Religiosas da Terra Santa – que convida os líderes políticos a aplicarem medidas severas a fim de evitar maiores danos ao clima. 


Nota DDP: União de segmentos religiosos ignorando suas diferenças e traçando objetivos comuns, invocação de princípios morais que, obviamente, se escoram em leis religiosas e, a chamada do braço político para tomada de medidas severas com base em leis civis no tema em foco.

Pareceria apenas um bela iniciativa, não se conformasse de forma tão latente com os contornos da profecia que antecipa como terminará esta história.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...