domingo, 15 de maio de 2011

Pelo menos 65 feridos em confrontos numa manifestação


Pelo menos 65 feridos em confrontos numa manifestação
Cerca de 100 pessoas atacaram no sábado um grupo de cristãos que se manifestava no Cairo, em frente à sede da televisão estatal, reivindicando medidas que resolvam a tensão religiosa.

Os manifestantes encontravam-se à porta da sede da televisão estatal no Cairo, onde têm permanecido na última semana depois dos confrontos entre cristãos e muçulmanos que deixaram uma igreja em cinzas e causaram 15 mortos.

Mais de 100 pessoas invadiram o local, atirando pedras e bombas incendiárias a partir de um carro, levando a polícia e os militares a dispararem para dispersarem a multidão, tendo sido detidas, pelo menos, 15 pessoas.

Fontes hospitalares citadas pela Associated Press indicaram que 65 pessoas ficaram feridas, duas delas encontrando-se em situação crítica.

Os confrontos religiosos e uma onda de violência crescente têm sido os maiores desafios que os militares egípcios têm enfrentado após as manifestações que conduziram à queda do ex-presidente, Hosni Mubarak.

Os militares garantiram uma resposta firme à violência e prometeram responder a algumas reivindicações da população católica, incluindo a reabertura de cerca de 50 igrejas.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...