segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Bento XVI: Cristãos «não podem passar imagem de homens divididos»


Papa escreveu mensagem no âmbito do 12º Simpósio ecuménico dedicado este ano ao «testemunho da Igreja Católica no mundo contemporâneo»

Cidade do Vaticano, 02 set 2011 (Ecclesia) – Bento XVI apelou hoje à “união” de todos os cristãos, “católicos e ortodoxos”, de forma a combaterem os efeitos de “uma secularização capaz de empobrecer o ser humano na sua dimensão mais profunda”.

De acordo com a sala de imprensa do Vaticano, a mensagem do Papa foi transmitida ao presidente do Conselho Pontifício para a Promoção da Unidade dos Cristãos, cardeal Kurt Koch, por ocasião do encerramento do 12º Simpósio Inter-cristão, que decorreu em Salónica, na Grécia.

Indo ao encontro do tema do encontro, “o testemunho da Igreja no Mundo Contemporâneo”, Bento XVI citou o Papa Paulo VI sublinhando que, enquanto “evangelizadores”, os cristãos “não podem passar a imagem de homens divididos e separados por litígios que nada edificam”.

No atual contexto social, económico e cultural, “proclamar o ministério salvífico da morte e ressurreição de Cristo” implica a participação de “pessoas amadurecidas na fé, capazes de se encontrarem para além das tensões, graças à procura comum, sincera e desinteressada da verdade”, continuou Bento XVI.

Recordou ainda que “o conhecimento recíproco de tradições e a amizade sincera” podem “favorecer a causa da unidade dos cristãos”.

Este ano, o 12º Simpósio ecuménico foi promovido pelo Instituto Franciscano de Espiritualidade da Unersidade Pontifícia Antonianum e pelo Departamento de Teologia Ortodoxa da Universidade de Aristóteles, em Salónica.

Salientando que foi naquela cidade que São Paulo proclamou em primeiro lugar o Evangelho, o Papa pediu a todos os participantes para que “animados pelo mesmo zelo apostólico”, possam levar Cristo de forma “renovada” ao mundo contemporâneo.



(diariodaprofecia.blog)

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...